Como aumentar a rotatividade de estoque

O giro de estoque é extremamente importante para que qualquer negócio possa obter lucros, afinal, produto encalhado é igual a dinheiro encalhado. E apesar de gerenciar adequadamente um estoque demandar bastante atenção, não é nenhum bicho de sete cabeças.

Veja aqui como fazer um diagnóstico do que está errado na sua gestão do estoque, dicas de armazenamento, treinamento e, principalmente, a importância de aumentar o volume de vendas. Acompanhe:

Faça um diagnóstico para melhorar a rotatividade do estoque

A primeira coisa a ser feita é uma análise sobre os produtos que você revende: quais são aqueles que saem mais? Quais os que vendem pouco? Quais estão encalhados no estoque?

É preciso classificar seus produtos entre os que geram alta rotatividade, baixa rotatividade e que simplesmente não giram. Aqueles que têm ótimo giro e são responsáveis pela maior parte dos seus lucros podem ser repostos com mais frequência no estoque. Já para aqueles que giram pouco, o ideal é fazer uma análise sobre o porquê de passarem tanto tempo no estoque e só então decidir se deve você muda a frequência de reposição, reformula a estratégia ou até mesmo para de vendê-lo.

Quanto aos encalhados, pense em algumas promoções, diminua o preço ou crie uma estratégia para apresentá-los como algo que seus clientes não sabiam que desejavam.

Anote algumas dicas de armazenamento

Um estoque que não gira como deveria não se trata apenas de dinheiro parado, mas também envolve custos de armazenamento. Guardar produtos que não tem boa saída se torna um problema, pois, quanto mais produto estocado, maior é a necessidade de espaço e os gastos para manter esse estoque.

Uma forma de reduzir os custos referentes ao estoque é negociar com seus fornecedores a frequência da entrega dos produtos, assim você recebe menores quantidades por vez e precisa de menos espaço para estocar.

Invista no treinamento

Se você tem um funcionário ou mais que ajudam na sua revenda, treiná-los bem pode influenciar no giro do estoque. A verdade é que se os vendedores conhecerem bem os produtos que oferecem e sabem apresentá-los bem ao público, as chances de venda são maiores, fazendo com que o estoque gire mais.

Por isso, procure oferecer treinamentos à sua equipe, por mais enxuta que ela seja, para que todos saibam como despertar o interesse do cliente pelos produtos e fechem mais negócios.

Aumente o volume de vendas

O que todo empreendedor quer é poder vender muito, não é mesmo? Só assim é possível ver o negócio crescer junto com os lucros. É aumentando o volume de vendas também que a rotatividade do estoque cresce, te dando retornos mais rápidos e evitando que o seu dinheiro permaneça por muito tempo paralisado.

Além disso, procure sempre se atualizar junto ao mercado e buscar novidades junto aos seus fornecedores. Com certeza, seus clientes mais fiéis ficarão satisfeitos com a variedade que você tem a oferecer!

E então, que tal começar a focar já em uma melhor rotatividade de estoque no seu negócio? Você já tem algumas boas práticas para cuidar disso? Compartilhe conosco!

Compartilhe este conteúdo

Deixe uma resposta